Influência de reguladores de crescimento no cultivo in vitro de Dolichandra unguis-cati (L.) L.G. Lohmann a partir de estacas caulinares

Joseane Siqueira, Elisete Maria de Freitas, Eduardo Périco

Resumo


Dolichandra unguis-cati é uma liana nativa com indicação como ornamental, medicinal e como alimento. Tais características mostram a importância para o desenvolvimento de experimentos de propagação da espécie. O objetivo do estudo foi avaliar a relação auxina/citocina no estabelecimento in vitro da espécie, visando defi nir as concentrações adequadas a serem usadas. Segmentos nodais foram inoculados em meio MS com diferentes concentrações de ANA (ácido naftalenoacético) e BAP (ácido 6-Benzilaminopurina). Passados trinta dias, os protocormos foram avaliados quanto ao número de brotações e folhas, presença e comprimento de raízes, altura e massa fresca. A produção de mudas da espécie é viável sem o uso de fi torreguladores, porém o tratamento constituído pela combinação de 0,5 mg L-1 de ANA e 2,0 mg L-1 de BAP é o mais indicado para a propagação do genótipo.


Palavras-chave


ácido 6-Benzilaminopurina, ácido naftalenoacético, propagação vegetativa

Texto completo:

PDF

Referências


Abreu, I.N. 2003. Propagação in vivo e in vitro de Cissus sicyoides, uma planta medicinal. Acta Amazonica 33(1):1-7.

Agra, M.F., França, P.F. & Barbosa-Filho, J.M. 2007. Synopsis of the plants known as medicinal and poisonous in Northeast of Brazil. Revista Brasileira de Farmacognosia 17(1):114-140.

Agra, M.F., Silva, K.N., Basílio, I.J.L.D., França, P.F. & Barbosa-Filho, J.M. 2008. Survey of medicinal plants used in the region Northeast of Brazil. Revista Brasileira de Farmacognosia 18(3):472-508.

Cordeiro, I.M.C.C., Lameira, O.A., Ohashi, S.T. & Rosal, L.F. 2004. Efeito de BAP sobre a proliferação de brotos de Schizolobium amazonicum Huber ex Ducke (Paricá). Cerne 10(1):118-124.

Diniz, J.D.N., Magalhães, J.R., Innecco, R., Almeida, J.L. & Pinho, J.L.N. De. 2006. Multiplicação e enraizamento in vitro do guaco. Revista Ciência

Agronômica 37(1):59-64.

Domínguez, J.A. 1928. Contribuciones a la Materia Médica Argentina. En Trabajos del Instituto de Botanica y Farmacologia. Buenos Aires. p.433-435.

Ferrari F., Kiyan, C.I. De, K., Delle, M.F. & Marini, B.G.B. 1981. Quinovic acid glycosides from roots of Macfadyena unguis-cati. Planta Medica 43(1): 24-27.

Ferreira, M.A., Caldas, L.S. & Pereira, E.A. 1998. Aplicações da cultura de tecidos no melhoramento genético de plantas. In Cultura de tecidos e

transformação genética de plantas (A.C. Torres, L.S. Caldas & J. Buso eds.). Embrapa, Centro Nacional de Pesquisa de Hortaliças, Brasília, p. 21-43.

George, E.F. & Sherrington, P.D. 1984. Plant propagation by tissue culture: handbook and directory of commercial laboratories. Exegetics Limited, Eversley. 593 p.

Hu, C.Y. & Wang, P.J. 1983. Meristem, shoot tip and bud cultures. In Handbook of plant cell culture: techniques for propagation and breeding (D.A. Evans, W.R.

Sharp & P.V. Ammirato eds.) Mac Millan Plublishing Company, New York. p.177-277.

Kawata, K., Ushida, C., Kawai, F., Kanamori, M. & Kuriyama, A. 1995. Micropropagation of Passion fruit from Subcultured Multiple Shoot Primordia. Journal of Plant Physiology 147:281-284.

Kantharajah, A.S. & Dodd, W.A. 1990. In vitro micropropagation of Passifl ower edulis (purple passionfruit). Annals of Botany 65:337-339.

Kinupp, V.F. 2007. Plantas Alimentícias Não- Convencionais da Região Metropolitana de Porto Alegre 590 f. Tese de doutorado, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre.

Lopes, S.B. & Gonçalves, L. 2006. Elementos para Aplicação Prática das Árvores Nativas do Sul do Brasil na Conservação da Biodiversidade. Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre. 18p.

Lorenzi, H. 2008. Árvores brasileiras: manual de identificação e cultivo de plantas arbóreas do Brasil. Instituto Plantarum, Nova Odessa. 384 p.

Lorenzi, H. & Matos, F.J.A. 2002. Plantas medicinais no Brasil: nativas e exóticas. Instituto Plantarum, Nova Odessa. 512p.

Macedo, C.E.C. De, Silva, M.G. Da, Nóbrega, F.S. Da, Martins, C.P., Barroso, P.A.V. & Alloufa, M.A.I. 2003. Concentrações de ANA e BAP na micropropagação de abacaxizeiro L. Merriel (Ananas comosus) e no cultivo hidropônico das plântulas obtidas in vitro. Revista Brasileira de Fruticultura 25:501-504.

Mantovani, N.C., Franco, E.T.H. & Vestena, S. 2001. Regeneração in vitro de louro-pardo (Cordia trichotoma (Vellozo) Arrabida ex Steudel). Ciência

Florestal 11(2):93-101.

Martins, E.R., Castro, D.M., Castellani, D.C. & Dias, J.E. 2000. Plantas Medicinais. Editora Universidade Federal de Viçosa. Viçosa.

Mello, B. Palmáceas. 1999. Emater, Uberlândia. Disponível em: http://www.fruticultura.iciag.ufu.br/ palmaceas.html. Acesso em 04 de outubro de 2012.

Murashige, T. & Skoog, F. 1962. A revised medium for rapid growth and bio assays with tobacco tissue cultures. Physiologia Plantarum 15(3):473-497.

Paula, M.C.Z.De, Bolson, M., Cardoso Junior, E.L. & Hefl er, S.M. 2009. Levantamento etnofarmacológico e resgate de germoplasma em remanescentes florestais da Floresta Estacional Semidecidual no Oeste do Paraná, Brasil. Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Toledo. 41p.

Silva, M.M. Da & Queiroz, L.P. De. 2003. A família Bignoniaceae na região de Catolés, Chapada Diamantina, Bahia, Brasil. Sitientibus Série Ciências

Biológicas 3(1-2):3-21.

Silveira, C.A.P. 2002. Multiplicação in vitro de portaenxertos do gênero Prunus sob baixas concentrações e diferentes tipos de auxinas. Revista Brasileira de Fruticultura 24(3):608-610.

Souza, V.C. & Lorenzi, H. 2008. Botânica Sistemática: guia ilustrado para identifi cação das famílias de Fanerógamas nativas e exóticas no Brasil, baseado em APG III. Instituto Plantarum, Nova Odessa. 574 p.

Taiz, L., Zeiger, E. 2008. Fisiologia Vegetal. Artmed, Porto Alegre. 820.p

Vieitez, A.M. & Vieitez, M.L. 1980. Culture of chestnu shoots from buds in vitro. Plant Physiology 55:83-84.

Zaer, J.B. & Mapes, M.O. 1985. Action of growth regulators. In Tissue culture in forestry (J.M. Bonga, Durzan, D.J., eds.). Martinus Nijhoff, Dordrech, p.231-255.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2446-8231

Indexadores: Aquatic Sciences and Fisheries Abstract (ASFA) | Biological Abstract | Biosis Previews | Google Acadêmico | Latindex | Qualis-CAPES | Scopus | Web of Science – Institute for Scientific Information (ISI)