Estimativa de área foliar por meio de relações alométricas em Aechmea blanchetiana (Baker) L. B. SM sob distintas condições de luminosidade

Daniele Freisleben Lavanhole, Pablo Souto Oliveira, Edney Leandro da Vitória, Elisa Mitsuko Aoyama

Resumo


O objetivo do estudo foi determinar o modelo de regressão adequado para estimar a área foliar, utilizando relações alométricas das folhas de Aechmea blanchetiana (Baker) L. B. SM. A investigação foi conduzida em três áreas de restinga no município de São Mateus, Espírito Santo onde foram selecionados pontos aleatórios, coletando-se cinco folhas de cada indivíduo, totalizando 500 folhas. Análises de regressão linear e de correlação foram utilizadas nas análises. As folhas sob baixa irradiação apresentaram os maiores valores em todos os parâmetros, exceto pela largura que foi maior em folhas sob alta irradiação. As equações de regressão quando relacionadas com o comprimento e o produto do comprimento vezes a máxima largura mostraram-se as mais adequadas para folhas sob alta irradiação, sendo o produto o mais satisfatório com a equação potencial Ŷ = 1,3299x0,9165. Para folhas sob baixa irradiação apenas o produto comprimento vezes a máxima largura foi apropriado, em que a equação potencial Ŷ = 0,2454x1,2006.

Palavras-chave


área foliar, radiação solar, restinga

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2446-8231

Indexadores: Aquatic Sciences and Fisheries Abstract (ASFA) | Biological Abstract | Biosis Previews | Google Acadêmico | Latindex | Qualis-CAPES | Scopus | Web of Science – Institute for Scientific Information (ISI)